Ouça a Rádio Alvorada

Play
Pause

27 de May de 2024

Ouça a Rádio Alvorada

Play
Pause

Walter Schalka, presidente da suzano papel e celulose, é escolhido CEO do ano

Compartilhe:

Esta é a primeira vez na história que um executivo é eleito três vezes consecutivas pela RISI na região da América Latina
Walter Schalka, presidente da Suzano Papel e Celulose, foi novamente eleito pela RISI, principal fornecedor de informações para a indústria de base florestal do mundo, o CEO do ano da América Latina. Esta é a primeira vez que um executivo ganha a premiação por três anos consecutivos na região.
Schalka foi indicado por analistas de mercado que cobrem o setor de papel e celulose por sua eficiência e transparência com o mercado e pela maneira com que conduz a Suzano Papel e Celulose.
“Este prêmio representa o reconhecimento ao trabalho dos 8.000 colaboradores da Suzano e dos terceiros que trabalham conosco e nos ajudam neste movimento de evolução constante. Por isso, compartilho essa indicação com todos aqueles que acreditam na construção de um futuro melhor e mais sustentável”, afirma Schalka.
A premiação será concedida durante a Conferência Latino-Americana da Risi, no dia 15 de agosto. O evento acontecerá entre os dias 14 e 16 de agosto, em São Paulo.
Sobre a Suzano Papel e Celulose
A Suzano Papel e Celulose é uma empresa de base florestal e uma das maiores produtoras verticalmente integradas da América Latina. Subsidiária da Suzano Holding e parte do Grupo Suzano, a empresa investe há 93 anos na indústria de papel e celulose e possui operações globais em aproximadamente 60 países. Atualmente, são cinco unidades industriais: Suzano, Rio Verde e Limeira, no estado de São Paulo, Mucuri, na Bahia, e Imperatriz, no Maranhão. Sua capacidade anual de produção é de 4,7 milhões de toneladas de papel e celulose. A empresa opera ainda na área de biotecnologia, por meio da FuturaGene, primeira empresa do mundo a obter aprovação para o uso comercial de eucalipto geneticamente modificado; celulose fluff, usada na produção de fraldas e absorventes higiênicos; lignina, um subproduto do processo de fabricação da celulose, e potencial substituto de derivados de petróleo em aplicações de alto valor; e tissue, como um parceiro industrial para a indústria de papel higiênico.

Compartilhe:

Leia mais

Investimentos da Apple na Bahia
PRF
Processo contra deputados
Demarcação terra indigena
Acao MPF
Bicho preguiça resgatado
Cumprimento mandados
Estudo de potencial
Sac Movel
Recursos assentamentos capa
Hospital Costa das Baleias capa
Policia Civil

Rede Sul Bahia de Comunicação - 2023 ©. Todos os direitos reservados

Rede Sul Bahia de Comunicação - 2023
© Todos os direitos reservados