Ouça a Rádio Alvorada

Play
Pause

17 de May de 2024

Ouça a Rádio Alvorada

Play
Pause

STF dá 5 dias para Temer, Senado e Câmara se manifestarem sobre aborto

Compartilhe:

Ação do PSOL pede que interrupção da gestação seja legalizada nas 12 primeiras semanas
 
A ministra Rosa Weber, que é relatora da ação que discute a legalização do aborto no Supremo Tribunal Federal (STF) quando realizado nas 12 primeiras semanas de gestação, deu prazo de cinco dias para o presidente Michel Temer, o Senado e a Câmara dos Deputados se manifestem sobre o caso. A ação foi apresentada pelo PSOL no começo do mês.
O prazo começa a contar a partir do momento em que eles forem comunicados oficialmente. Após a resposta de Temer, Senado e Câmara, a ministra determinou que o caso seja encaminhado para a Advocacia-Geral da União (AGU) e para a Procuradoria-Geral da República (PGR). O despacho de Rosa Weber foi assinado na última segunda-feira.
Na ação, o PSOL também pede uma liminar para suspender as prisões em flagrante, os inquéritos policiais e os processos e decisões judiciais baseados nos artigos do Código Penal que criminalizam o aborto quando ocorrido nas 12 primeiras semanas de gravidez.
O PSOL é um partido de esquerda com seis deputados na Câmara. O PSC, legenda conservadora e ligada a religiosos, com um senador e dez deputados, pediu também para ingressar na ação. Mas o partido é contra a legalização do aborto.
“Verifica-se a improcedência dessa ADPF (arguição de descumprimento de preceito fundamental), porquanto o direito à vida é inviolável, posto a salvo desde a concepção e dele ninguém pode ser privado arbitrariamente, ao contrario do que pretende o arguente (PSOL)”, diz trecho do documento do PSC, protocolado em 24 de março.

Compartilhe:

Leia mais

Investimentos da Apple na Bahia
PRF
Processo contra deputados
Demarcação terra indigena
Acao MPF
Bicho preguiça resgatado
Cumprimento mandados
Estudo de potencial
Sac Movel
Recursos assentamentos capa
Hospital Costa das Baleias capa
Policia Civil

Rede Sul Bahia de Comunicação - 2023 ©. Todos os direitos reservados

Rede Sul Bahia de Comunicação - 2023
© Todos os direitos reservados