Ouça a Rádio Alvorada

Play
Pause

17 de June de 2024

Ouça a Rádio Alvorada

Play
Pause

Verão Costa a Costa supera meta de atletas inscritos e movimenta Arraial D’Ajuda

Compartilhe:

Mais de mil atletas já participaram das duas primeiras edições do projeto Verão Costa a Costa II: a primeira em Prado, realizada em janeiro, e a segunda no último fim de semana, em Arraial D’Ajuda, distrito de Porto Seguro. O número de participantes superou a meta inicial de 980 atletas prevista para todas as seis edições do evento em 2024.

O projeto está percorrendo a costa do litoral baiano, desde a Costa das Baleias, passando pela do Descobrimento, do Dendê até a Costa dos Coqueiros. Com o objetivo de incentivar a prática esportiva e levar entretenimento aos municípios do litoral baiano, o projeto oferece competições nas modalidades de beach soccer, futvôlei, beach tennis e vôlei de praia, clínicas esportivas e escolinhas abertas ao público, práticas de tirolesa, arvorismo e escalada, além de Espaço Kids com brincadeiras para a criançada, com a presença de monitores especializados. Em Arraial D’Ajuda, ainda foram oferecidas escolinhas de skate e futmesa.

Duzentas pessoas, entre atletas e amadores, participaram de um treinão de incentivo à prática da corrida, no sábado (3), percorrendo distâncias de três e seis quilômetros. Para alguns atletas já praticantes do esporte, serviu de preparação para a Maratona do Descobrimento.

Até o titular da Setre, Davidson Magalhães, resolveu participar. “A gente tem que dar exemplo. O Verão Costa a Costa tem esse propósito de estimular a prática esportiva, mas não só, é um evento que reúne esporte, cultura, lazer e, também, a geração de emprego e renda”, disse.

 

Feira da Economia Solidária

Como parte da programação, a Feira da Economia Solidária reúne 25 expositores, entre avulsos e principalmente empreendedores que fazem parte dos Centros Públicos de Economia Solidária (Cesol), coordenados pela Setre. A pasta tem a responsabilidade de desenvolver essa política pública, baseada no cooperativismo.

A artesã Bruna Lemos, residente em Eunápolis, trabalha com peças em macramê. Para ela a feira é uma oportunidade de divulgar o trabalho e aumentar as vendas.

Jineuza Pires faz crochê e vende suas peças nas lojas e praias da Costa do Descobrimento. Há dois anos, passou a fazer parte do Cesol Litoral Sul e passou a vender, também, nas feiras da economia solidária. Ela ressalta que, sem apoio do Cesol, os artesãos e empreendedores não teriam condições de conseguir uma estrutura semelhante à oferecida nas feiras.

 

Próxima parada

A edição de Arraial D’Ajuda terminou no domingo (4), com as finais das competições nas quatro modalidades esportivas previstas. A próxima parada do Verão Costa a Costa será em Olivença, em Ilhéus, de 29 de fevereiro a 3 de março. Depois, o projeto passa pela Costa do Dendê (Valença), Costa dos Coqueiros (Camaçari) e Salvador.

 

Fonte e foto: Ascom/Setre

Compartilhe:

Leia mais

Investimentos da Apple na Bahia
PRF
Processo contra deputados
Demarcação terra indigena
Acao MPF
Bicho preguiça resgatado
Cumprimento mandados
Estudo de potencial
Sac Movel
Recursos assentamentos capa
Hospital Costa das Baleias capa
Policia Civil

Rede Sul Bahia de Comunicação - 2023 ©. Todos os direitos reservados

Rede Sul Bahia de Comunicação - 2023
© Todos os direitos reservados